monismo ou dualismo?

12, abril 12UTC 2007 às 12:59 pm | Publicado em poesia | 5 Comentários

femur.gif

ACIDENTE NA SALA

movo a perna esquerda
               de mau jeito
e a cabeça do fêmur
               atrita
                no osso da bacia
sofro um tranco
 
e me ouço 
perguntar:
               aconteceu comigo
               ou com meu osso?
 
e outra pergunta:
               eu sou meu osso?
               ou sou somente a mente
que a ele não se junta?
 
e outra:
se osso não pergunta,
               quem pergunta?
alguém que não é osso
        (nem carne)
        em mim habita?
alguém que nunca ouço 
        a não ser quando
        em meu corpo
um osso com outro osso atrita?

Ferreira Gullar

5 Comentários »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. é o velho conflito…

  2. belo exemplo para um debate bem longo…

  3. Nossa!!!!! Um belo exemplo mesmo!!!

    E ai? Dualismo ou monismo??? hehehe

    E o Gullar pegou bem no ponto… esse poema dele podia ir parar nas aulas de psico tranquilamente…

    Ah, fiquei uns dias sem net… agora estou de volta… (bah, é sempre uma pena perder posts teus…)

    beijos

  4. Sim, acho que esse poema poderia ir parar nas aulas de psico… tranquilamente. Solicito autorização para ilustrar uma aula de Psicossomática com ele. Atenciosamente, Paula (professora de Psicologia – RJ)

  5. Paula, não peça autorização para mim, pois não sou o autor do poema. E creio que o Ferreira Gullar não hesitaria em cedê-lo.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: