breves impressões do Paraguai

14, julho 14-03:00 2008 às 5:40 pm | Publicado em sem categoria melhor | 5 Comentários

Ouvi de alguns paraguaios em sua própria terra que seu país estaria 100 anos (ou 50) atrasado em relação ao Brasil, tentando mensurar o nível de seu desenvolvimento e citando supostos especialistas. A placa do Banestado no ponto de táxi da praça Uruguaia em pleno centro de Assunção está seguramente, ao menos, 10 anos atrasada.

Em que pese (ainda muito forte) o estrago feito pela guerra de mais de um século, dá para sentir uma tentativa de fortificação da identidade do país ao ver bandeiras por toda parte, a renovação da esperança com o novo presidente e muitos prédios históricos restaurados ou em processo de restauração.

Não sei se é uma questão de atraso. O contrário: o Paraguai é um país que poderia ter sido, mas não foi. Não foi andando mais devagar e ficou pra trás; passaram a rasteira. Uma espécie de futuro alternativo que mostra a realidade destruída. Lástima.

(Dica: as melhores informações sobre este país e sua relação com o Brasil estão na sopa brasiguaia!)

Anúncios

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.