efeito Werther

6, abril 06UTC 2009 às 8:33 pm | Publicado em psicologia | 6 Comentários

5_werther

.

Cerca de uma semana atrás uma adolescente cometeu suicício em um tradicional colégio da cidade de Curitiba.  Alguns jornais e programas de televisão sensacionalistas noticiaram o caso (até que de forma comedida), outros veículos de comunicação não.  Independentemente, hoje ainda é forte a repercussão nas rodinhas de conversa de vários grupos sociais. Algumas recheadas de detalhes.

Cerca de quinze anos atrás um jovem vocalista de uma importante banda de rock cometeu suicídio. Após a forte notícia, seguiram boatos de vários adolescentes imitando seu gesto, com uma preocupado tom de ressalva, os comentários deveriam ser feitos em voz baixa para que não continuassem seu efeito.

Alguém lembrou que o lançamento do romance “Os Sofrimentos do Jovem Werther” de Goethe causou uma onda de suicídios na juventude européia no século XVIII, visto que o protagonista acha uma “solução definitiva” para sua desilusão amorosa.

Assim, tem- se a ideia de que quanto mais relatos midiáticos e à boca pequena a respeito de suicídio, maior a chance deles ocorrerem. Será verdade?

Sim, é verdade.

E o nome disso é “efeito Werther”.

Um dos principais autores a pesquisar sobre o tema é o sociólogo californiano David Phillips que estuda o tema desde a década de 70.  Seus achados mostram que suicídios de celebridades chegam a aumentar, por exemplo, em torno de 10% as estatísticas anuais de um país. Por isso a famosa orientação que é dada à mídia de não darem cobertura aos suicídios e, principalmente, não descreverem os métodos utilizados para dar fim à vida.

O que me faz perguntar sobre a utilidade deste post. Não deveria eu, sob a chance de estar retroalimentando este diabólico sistema de boados e auxiliando alguém a dar cabo a sua vida, ter permanecido calado? Se for o você que anda pensando nisso, peço que desista. A vida vale a pena. Sério.

Mas talvez seja o caso de incluir os bons e velhos anúncios do Mistério da Saúde toda vez que se tocar em um assunto desse:

O MINISTÉRIO DA SAÚDE ADVERTE: O SUICÍDIO FAZ MAL À SAÚDE

6 Comentários »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. “A espécie humana é sempre igual, não muda nunca. A maioria gasta quase todo o seu tempo para sobreviver, e o pouco que lhe resta de liberdade causa-lhe tanta preocupação que ela busca por todos os meios livrar-se desta carga. Ah, destino do homem.” p. 13, Goethe, Os Sofrimentos do Jovem Werther.

    Bem lembrando.

    um abraço

  2. Deve ser mais ou menos como quando a Vera Fischer ficou com o Gianechini na novela, aquele negócio da coroa com o rapazinho… não deu um surto de coroas com rapazinhos na época?

  3. Essa semana mesmo, numa série famosa americana, um dos protagonistas se suicida. Ao final do episódio, é colocado um aviso com um numero de telefone se a pessoa estiver em crise ou pensando em suicidio. Tambem me lembrou dessa foto aqui:
    http://www.fotolog.com/kruszielski/11460966

  4. Opa!

    Então… voltou com tudo hein Leandro !!! Bacana! Parabéns!

    Agora… enquanto filósofo da melancolia… não poderia de deixar de destacar a situação do personagem do livro Lobo da Estepe… um sujeito que é um tipo de “suicidado” vivo! Bem interessante!

  5. É, parece que qualquer rede social, de massa ou não, tem mais força do que pode parecer.

  6. […] Mas, mais do que pelos contos, Wallace recebe elogios unânimes da crítica internacional principalmente pelos seus romances, que não me atrevo a ler em inglês. Agora mesmo está sendo lançada uma obra incompleta póstuma. É de se lamentar o fim de um escritor genial da maneira como aconteceu. […]


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: